Atacante do SP é acusado de agredir fã em Nortelândia

Joana Dark Campos Dourado, 21, registrou um boletim de ocorrência para denunciar uma suposta agressão que teria sido cometida pelo atacante do São Paulo, Éverton Cardoso. O fato foi registrado na terça-feira (11), em Nortelândia (253 km ao Médio-Norte da Capital).

A vítima publicou no perfil do Facebook uma foto sua com ferimentos que possivelmente foram provocados pelo jogador, a família dele e um segurança.

De acordo com informações do boletim de ocorrência, a vítima foi até a casa onde o atacante estava hospedado na intenção de tirar uma foto com ele por ser sua fã.

Lá, um dos familiares perguntou quem a teria convidado já que ela estava com outros amigos. Então, Joanna ficou brava e jogou a piscina na casa e foi até a casa da vizinha.

Assim, a esposa de Everton foi até a casa da vizinha perguntar porque ela chamou sua sogra de put*… No entanto, a jovem negou e disse “você está louca? eu não disse nada”.

Com isso, Joanna retornou a casa e foi agredida pelo jogador, irmão, esposa e ainda pelo segurança.

Ela relatou o fato nas redes sociais e disse que foi tratada como lixo.

“Fomos tratados como lixos, a mulher do Ebert passou por mim e pelos meus amigos demonstrando irá, não revidei e ninguém revidou”, diz trecho da publicação.

Caso será apurado pela Polícia Civil.

  • Texto: Rayane Alves/Gazeta Digital (GD)
Total 0 Votes
0

Tell us how can we improve this post?

+ = Verify Human or Spambot ?