Primeira Sessão ordinária de 2019 foi realizada na segunda-feira (18)

Sob o comando da nova mesa diretora, a Câmara Municipal de Nova Ubiratã, realizou na ultima segunda-feira(18), a primeira Sessão ordinária de 2019.

De acordo com a Assessoria de Imprensa, os parlamentares votaram 06 projetos de leis e 08 indicações.

Entre eles está o projeto de lei de nº.002/2019, no qual autoriza o poder executivo a firmar contrato de rateio com o consorcio público de saúde Vale Do Teles Pires, o valor total será de R$1.053.353.89(Um milhão, cinquenta e três mil, trezentos e cinquenta e três reais, com setenta e nove centavos), que serão aplicados em diversos setores da saúde.

Outro importante projeto também votado, foi o de Nº.005/2019, no qual o poder público dará autonomia para a associação dos pequenos produtores do projeto Piratininga, a coordenar a distribuição de 20 lotes urbanos que foi doado pelo Incra para a Prefeitura Municipal,

A seleção será discutida em assembléia geral da associação, devendo assim o beneficiário ser aclamado por maioria dos presentes.

A doação será direcionada a pessoas de baixa renda que não foram beneficiadas com lotes rurais.

Estes foram alguns dos projetos votados na sessão que durou cerca de 03horas.

Presidente da mesa diretora, Adilsinho se mostrou bastante confiante em exercer seu biênio com clareza e transparência, o parlamentar falou da grande importância de se fazer economias para assim sobrar recursos e serem investidos da melhor maneira possível.

“Começamos uma nova gestão na Câmara Municipal de vereadores, creio eu que todos presidentes que aqui passaram fizeram o que acharam que devia ser feito da melhor maneira possível,

Nós também temos em mente de como fazer nossa gestão nestes 2 anos, chegamos a conclusão de que a câmara municipal também precisa saber economizar o dinheiro público,

Mais para isso ser feito não depende só de mim, eu preciso da ajuda dos colegas vereadores e dos funcionários dessa casa de leis, temos que saber que a economia se começa desde uma caneta, pois essas coisas são todas comprada com recursos público, fiquei grato em ter da compreensão de todos, e se Deus nos permitir vamos lutar incansavelmente para que Nova Ubiratã venha crescer mais a cada dia”. relatou Adilsinho.

Fonte: Rogério Ribeiro/Assessoria de Imprensa

Total 0 Votes
0

Tell us how can we improve this post?

+ = Verify Human or Spambot ?